Dieta Cetogénica... A Dieta Milagrosa!
Dieta Cetogénica... A Dieta Milagrosa!

Provavelmente já ouviste falar em Dieta Cetogénica (1)

Mas se é novidade para ti, encontraste uma Dieta verdadeiramente milagrosa!

Está comprovado cientificamente que a Dieta Cetogénica possui inúmeros benefícios, tanto na perda de peso e desempenho físico, como na cura de várias doenças.

Estamos cada vez mais rodeados de pessoas “doentes”, que perdem imenso tempo a tentarem curar-se da forma errada…

Entupidos de medicação e sem resultados visíveis…

É por isso que hoje te apresento este artigo, que mostra como esta dieta te permitirá obter muitos dos seus benefícios ou até curar certas patologias, de forma completamente natural!

Posso dizer-te que ao longo da minha jornada de estudo e de experiências em dietas, apenas três me fascinaram e me convenceram…

A Dieta Paleo/Primal, que já descrevi no Blog, a Dieta Cetogénica e a Dieta Carnívora!

MAS, AFINAL O QUE É A DIETA CETOGÉNICA?

A Dieta Ceto ou Cetogénica é uma dieta muito baixa em hidratos de carbono, que transforma o teu corpo numa máquina de queimar gordura!

Os dois macro nutrientes que nos fornecem energia são os hidratos de carbono e os lípidos (gorduras)!

As proteínas são outro macro nutriente, mas estão mais envolvidas na construção de tecido corporal.

Nas dietas comuns, a maioria das pessoas consomem, diariamente, cerca de 60-70% de hidratos de carbono.

O que vai acontecer?

O corpo vai utilizar a glicose como combustível principal para obter energia.

Na Dieta Cetogénica o teu corpo utiliza as gorduras, como fonte primária de energia!

Porquê?

Porque esta dieta é muito baixa em hidratos de carbono e obriga o corpo a utilizar a energia proveniente da gordura, e não dos hidratos de carbono!

Esta Dieta é intitulada de Cetogénica, porque o fígado transforma as gorduras em corpos cetónicos, ou cetonas, que são o combustível primário que os nossos antepassados usavam para obter energia!

Não te esqueças que na era paleolítica as fontes de hidratos de carbono eram escassas e muitas vezes inexistentes!

O nosso cérebro, bem como os nossos músculos estão geneticamente preparados para se alimentarem de cetonas, em vez de glicose!

Como já referi, esta Dieta é muito restrita em hidratos de carbono, não contempla alimentos com glúten e é bastante idêntica à Dieta Paleo, baseando-se no consumo de alimentos “verdadeiros” e excluindo todos os alimentos processados e industrializados.

BENEFÍCIOS DA DIETA CETOGÉNICA

  • Perda de peso sem passar fome…

Como fazes restrição de hidratos de carbono e um maior consumo de gorduras boas, isso vai deixar-te saciado por mais de tempo.

Esta dieta inibe o teu apetite, de forma natural.

O organismo não utiliza glicose e, por isso, a queima de gordura aumenta drasticamente, o que contribui para a perda de peso corporal.

Quando o teu corpo aprende a utilizar a gordura como fonte de energia, torna-se mais fácil utilizar as reservas de gordura, o que te auxilia a emagrecer, de forma mais rápida e eficaz!

Vais sentir menos fome, mantens constantes os teus níveis de energia, privilegiando o foco e o teu estado de alerta!

O nosso cérebro é um órgão bastante exigente em termos energéticos, obtendo a energia de que necessita, a partir de moléculas de glicose ou de cetonas.

Com esta dieta, ele utilizará essencialmente cetonas, o que melhorará a clareza mental, o nível de energia corporal e a saúde, em geral.

A dieta Cetogénica previne o aparecimento de Doença de Alzheimer, uma forma de “diabetes cerebral”!

  • Previne a Diabetes

Como consomes poucos hidratos de carbono, o teu corpo produz pequenas moléculas chamadas “cetonas”!

Elas são usadas como um combustível alternativo, quando a glicose no sangue não está disponível.

Além dos hidratos de carbono, também as proteínas que estiverem em excesso no teu organismo, se convertem em glicose.

Como nesta dieta o consumo de proteínas é moderado, esta situação não se verifica!

Assim, com restrição de hidratos de carbono e um consumo moderado de proteínas, os níveis de açúcar no sangue estarão controlados e estabilizados, evitando o aparecimento de diabetes!

  • Aumenta a sensibilidade à insulina

Na Dieta Cetogénica, o corpo altera a sua forma de obter energia, funcionando inteiramente com gordura, ao invés de hidratos de carbono.

Com níveis adequados de glicose, o pâncreas não necessita produzir tanta insulina e os níveis desta hormona diminuem, o que leva ao aumento da sua sensibilidade, prevenindo o aparecimento de diabetes, bem como de outras doenças relacionadas.

O que é de realçar nesta dieta é que o teu corpo começa a produzir cetonas, atingindo um estado de cetose

Não confundas cetose com cetoacidose diabética, uma condição grave que resulta de níveis muito elevados de açúcar (glicose) no sangue, e que pode levar à morte!

  • Diminui os sintomas de síndrome metabólica

A síndrome metabólica carateriza-se pela existência de uma grande circunferência abdominal, devido à excessiva acumulação de gordura na zona abdominal!

Esta situação acontece, sobretudo, devido a maus hábitos alimentares, que se traduzem em hipertensão arterial, resistência à insulina, diabetes e perfil lipídico alterado!

A Dieta Cetogénica, conduz à diminuição dos níveis de triglicerídos, aumenta os níveis de colesterol HDL, diminui a oxidação do colesterol LDL e reduz a pressão arterial.

Tudo isto se traduz na perda de gordura abdominal!

COMO FAZER COM QUE O NOSSO ORGANISMO COMECE A PRODUZIR CETONAS?

O caminho mais rápido para chegar ao estado de cetose, é fazendo jejum.

Se fizeres um jejum prolongado e fizeres uma análise química à urina, verás a presença de corpos cetónicos!

Mas, como não podemos jejuar para sempre, para manter esses corpos cetónicos, utilizamos outras técnicas, como o jejum intermitente, a Dieta Cetogénica, ou ambos.

Se tiveres dificuldade em fazer jejum intermitente, podes simplesmente utilizar a Dieta Cetogénica para obter os benefícios dos corpos cetónicos.

COMPOSIÇÃO DA DIETA CETOGÉNICA

COMPOSIÇÃO DA DIETA CETOGÉNICA
COMPOSIÇÃO DA DIETA CETOGÉNICA

A DIETA CETOGÉNICA COMUM É CONSTITUIDA POR 70% DE GORDURA, 20% DE PROTEINA E 10% DE HIDRATOS DE CARBONO!

No entanto, existe outra variante da Dieta Cetogénica, ainda mais restrita e que é utilizada por quem sofre de cancro, epilepsia, ou outras patologias graves!

Essa variante é constituída por 90% de gordura, 5% de proteína e 5% de hidratos de carbono, mas isso será assunto para outra altura…

Lista completa dos alimentos que constituem a Dieta Cetogénica

  • Carne – de preferência biológica, rica em gordura e não processada.

Deves evitar ao máximo o consumo de enchidos e salsichas que são produtos processados e podem conter hidratos de carbono e vários aditivos alimentares prejudiciais!

Se gostas de enchidos compra diretamente a um produtor da tua confiança ou, se comprares num hipermercado, lê os rótulos e seleciona bem antes de comprares!

  • Peixe e marisco – escolhe peixes ricos em gordura como o salmão, a cavala, a sardinha, …

O importante é que sejam todos sejam selvagens!

  • Ovos – podes consumi-los de várias maneiras… cozidos, fritos em manteiga, banha de porco ou óleo de coco, escalfados, mexidos ou em omeletes, ….

Se me perguntares quantos ovos podes comer por dia, a minha resposta é:

– Não mais de 36 ovos por dia!

Mas fica à vontade para comer menos!

O que quero que percebas é que não deves ter receio de comer ovos com medo de aumentar os teus níveis de colesterol!

Os ovos devem ser consumidos inteiros, no entanto se consomes mais de 10 ovos diários, aconselho-te a comer mais gemas do que claras!

Não te esqueças que a Dieta Cetogénica é rica em gordura e moderada em proteína e as gemas dos ovos são ricas em gordura, enquanto as claras possuem muita proteína.

  • Gordura natural – quando cozinhares as tuas refeições usa gorduras saudáveis, como banha de porco, manteiga, azeite, óleo de coco, maionese caseira, .…
  • Legumes que crescem acima do nível do solo – podes consumi-los frescos ou congelados, dando preferências aos que possuem folhas verdes.

Regra geral, os vegetais que crescem acima do nível do solo contém menos quantidade de hidratos de carbono.

Já os que crescem abaixo do nível do solo, como a batata inglesa, a batata-doce, a cenoura, o nabo, … contêm maior percentagem de hidratos de carbono.

Dá preferência aos seguintes legumes: couve-flor, qualquer variedade de repolho, couves-de-bruxelas, curgetes, brócolos, alface, chicória, rúcula, espinafres, agriões,…

Se gostares podes adicionar boas gorduras aos legumes, salteando-os ou, simplesmente, temperando-os no prato com azeite.

  • Lacticínios – Quanto maior a quantidade presente de gordura, melhor!

Podes consumir iogurte grego natural, queijos feitos com leite cru, manteiga e kefir.

Não deves beber leite, apenas produtos lácteos fermentados e sem adição de açúcares!

O consumo de lacticínios pode atrasar a perda de peso, especialmente se os consumires em excesso!

Os lacticínios possuem alguns hidratos de carbono provenientes da pequena percentagem de lactose que restou, mesmo depois do processo de fermentação.

  • Frutos secos – se o teu objetivo é emagrecer, então consome-os com alguma moderação pois são muito caloricos!

Prefere as castanhas do Brasil, macadâmias ou nozes pecan.

Os cajus, as amêndoas, as sultanas, os figos secos, as tâmaras ou as ameixas secas, … são relativamente ricos em hidratos de carbono!

  • Frutas e bagas – escolhe morangos, amoras, mirtilos, ameixas, framboesas, groselhas, abacate e coco.

Em relação a outras frutas, evita-as ao máximo, ou consome-as apenas esporadicamente!

  • Bebidas – deves beber muita água, mas também podes beber café (sem açúcar), chá (sem açúcar) e vinho tinto, com moderação

Se no início desta Dieta sentires dores de cabeça, adiciona uma pitada de sal marinho não refinado à água que ingeres.

Subscreve-te na lista VIP do Blog Poder&Disciplina

Este Blog é somente para quem quer alcançar um espirito de vencedor(a) e guerreiro(a). É interdita a subscrição a quem se resigna à derrota! Junta-te a esta legião e obterás o sucesso!

Subscrever*100% Livre de Spam

Lista de alimentos que deves evitar na Dieta Cetogénica

  • Açúcar;
  • Amidos;
  • Cerveja, refrigerantes ou sumos de fruta;
  • Frutas em geral (à exceção das que referi anteriormente);
  • Batatas;
  • Arroz e qualquer tipo de massas alimentícias;
  • Pães, bolos, bolachas, biscoitos, donuts, chocolates, bem como todos os produtos alimentares empacotados, processados ou industrializados;
  • Alimentos que contenham glúten ou adoçantes adicionados;
  • Óleos vegetais hidrogenados, margarinas e outras gorduras trans;
  • Produtos rotulados de “light”, ou zero açúcares, …

QUEM DEVE EVITAR A DIETA CETOGÉNICA

  • Diabéticos que tomem medicação oral ou que façam insulina

Se tens diabetes podes e deves fazer a Dieta Cetogénica, mas precisas de acompanhamento médico caso faças uso de medicação oral ou injetável, para diminuires os níveis de glicose no sangue.

Esta Dieta por si só, já diminui bastante os níveis de glicose no sangue, portanto em conjunto com a medicação que fazes, pode desencadear uma hipoglicémia, o que pode ser perigoso!

  • Hipertensos medicados

Se és hipertenso e estás medicado para tal podes fazer a Dieta Cetogénica, mas também necessitas de acompanhamento médico.

Esta Dieta é pobre em hidratos de carbono, o que tem como efeito uma diminuição da pressão arterial!

Se fizeres medicação para baixar a tensão arterial, em conjunto com esta Dieta podes ficar hipotenso, o que requer atenção!

A minha tensão arterial é cerca de 100/50 mm/Hg, o que para um hipertenso pode provocar sensação de fraqueza, dores de cabeça, tonturas, …

Estes efeitos provocados por pressão arterial baixa, podem levar algum tempo até desaparecerem totalmente.

  • Grávidas e Mães a amamentar

Se estiveres grávida ou a amamentar podes fazer Dieta Cetogénica, desde que tenhas o cuidado de inserir na tua alimentação, todos os nutrientes essenciais!

Não te aconselho a iniciar esta Dieta durante a gravidez ou no período de amamentação, pois o teu corpo precisa de tempo de adaptação e esta não será a melhor altura para o fazeres.

Eu penso que tanto na gravidez, como no período de amamentação devem ingerir entre 50 a 100 gramas de hidratos de carbono de baixo índice glicémico, o que equivale dizer que deves optar por fazer a Dieta Paleo, em vez da Dieta Cetogénica.

No mundo inteiro, só existem 4 casos graves documentados, de mães que estavam a amamentar e que fizeram uma alimentação muito restrita em hidratos de carbono.

Mas, mesmo assim “mais vale prevenir do que remediar“!

CONCLUSÃO

A Dieta Cetogénica privilegia o consumo de boas gorduras, consumo moderado de proteínas e baixo de hidratos de carbono.

Desta forma o teu corpo habitua-se a utilizar a gordura, como fonte primária de energia.

Esta Dieta leva o teu corpo a produzir corpos cetónicos, o que se consegue com jejum intermitente e ingerindo poucos hidratos de carbono!

Se restringires o consumo de hidratos de carbono é impossível teres diabetes, já que se trata de uma doença nutricional!

Os níveis de glicose no sangue diminuem bastante e a sensibilidade à insulina aumenta, o que significa que os teus níveis de insulina se encontram mais baixos e regulados.

Quando os níveis desta hormona se encontram elevados, verifica-se aumento do peso corporal, aumento da circunferência abdominal, aumento da predisposição para Alzheimer e um tremendo prejuízo para a saúde, em geral!

As gorduras são percursores de várias hormonas, por isso esta Dieta promove o bom funcionamento do Sistema hormonal, tanto feminino, como masculino!

Qualquer pessoa que opte por fazer uma Dieta Cetogénica terá dificuldade em a abandonar, devido a todo o sentimento de bem-estar e de saúde, que irá alcançar!

A Dieta Cetogénica é ideal tanto para aumentar, como para manter a massa muscular, pois como estimula o Sistema Hormonal, produz aumentos na testosterona e na hormona do crescimento.

Os atletas profissionais que desistiram de consumir altas doses de hidratos de carbono e optaram por uma Dieta Cetogénica, melhoraram a sua performance e os seus recordes pessoais!

Existem gorduras essenciais e aminoácidos essenciais, mas não existem hidratos de carbono essenciais, apenas hidratos de carbono de menor índice glicémico!

São este tipo de hidratos de carbono que devemos consumir nesta dieta.

O tempo que o teu metabolismo demora a mudar com a Dieta Ceto, varia de pessoa para pessoa…

Algumas sentirão efeitos após 1 semana de dieta, outras podem demorar meses até os sentirem…

Se fizeres uma simples análise química à urina (urina tipo II) pela manhã, após um período de jejum, podes verificar a presença ou não de corpos cetónicos.

Isto dá-te indicação se o teu organismo já se encontra num estado de cetose.

Existem outras análises que se podem fazer, mas a análise à urina é sem dúvida a mais prática e a menos dispendiosa.

A prática desta dieta está de “mãos dadas” com a prática do jejum intermitente, já que ao te alimentares, essencialmente, de gorduras permanecerás saciado por muito mais tempo!

O consumo de boas gorduras não aumenta os teus níveis de colesterol sanguíneo, porque o colesterol, bioquímicamente falando, é um álcool e não uma gordura.

Consumir boas gorduras não engorda, tal como comer vegetais de folhas verdes não nos torna verdes!

O maior erro da Humanidade foi trocar as dietas ricas em gordura por dietas ricas em hidratos de carbono…

Resultado = aumento do aparecimento de doenças crónicas e de patologias muito graves.

O metabolismo das cetonas promove a saúde e a longevidade, devido à regulação dos níveis de glicémia, auxilia o funcionamento cerebral e previne o aparecimento de inúmeras doenças, entre elas a epilepsia e a Doença de Alzheimer!

A saúde cardiovascular provem do consumo de boas gorduras e da restrição do consumo de hidratos de carbono, ao contrário daquilo que é divulgado por toda a parte!

Os esquimós da Gronelândia apenas consomem gordura e proteína provenientes das focas, dos salmões, dos leões-marinhos e dos ursos polares. Eles, praticamente, não consomem fruta, nem vegetais e possuem uma saúde invejável.

As dicas estão dadas e este artigo, como todos os outros do Blog, foi a pensar na tua saúde, mas a escolha é sempre tua e cabe-te decidir a alimentação que queres e podes fazer!

O caminho é difícil para mudar um metabolismo que está adaptado a anos e anos de um consumo exagerado de hidratos de carbono…

Sentirás alguns efeitos secundários, assim como um toxicodependente sente quando fica privado de consumir drogas, mas sem dúvida que valerá a pena o esforço!

Termino com uma citação: “Comprometa-se com suas metas e encare os obstáculos como etapas para atingir o objetivo final.” (Lair Ribeiro)

Subscreve-te na lista VIP do Blog Poder&Disciplina

Este Blog é somente para quem quer alcançar um espirito de vencedor(a) e guerreiro(a). É interdita a subscrição a quem se resigna à derrota! Junta-te a esta legião e obterás o sucesso!

Subscrever*100% Livre de Spam

Sobre o Autor

Carlos Coelho
Carlos Coelho

Olá o meu nome é Carlos Coelho e este é o Blog Poder e Disciplina. Aqui, eu e a minha esposa compartilhamos conteúdos de alto valor sobre treino, dieta, saúde e sucesso. Treino há cerca de 20 anos (com algumas interrupções), mas sempre tentando obter mais conhecimentos nesta área. Fiz uma Pós Graduação através da Universidade Europeia do Atlântico, adquirindo o grau de Especialista em Nutrição Personalizada e Outras Terapias Alimentares. Hoje o meu principal foco é fazer qualquer pessoa emagrecer, treinar, ter saúde e sucesso. De forma natural e apenas com os conselhos do Blog Poder e Disciplina quero poder proporcionar a todos, um estilo de vida extraordinário!

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solicitar exportação de dados

Utilize este formulário para solicitar uma cópia dos seus dados neste site.

Solicitar remoção de dados

Utilize este formulário para solicitar a remoção dos seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Utilize este formulário para solicitar a retificação dos seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Utilize este formulário para solicitar o cancelamento de inscrição do seu e-mail em nossas Listas de E-mail.